Ninguém merece viver- Sábados e domingos às 16h

 

 

É uma noite normal em uma balada. Casais se beijam, pessoas bebem, dançam, flertam, quando um atirador é revelado. Caos. Tiros. Gritos. Pedidos de socorro. Todos da balada conseguem fugir ilesos, menos seis pessoas que são feitas de reféns. Este atirador faz duas perguntas aos reféns: “Quem são vocês e por que merecem viver? “. Perguntas aparentemente simples, mas que precisam ser respondidas de uma forma original. Aqueles que conseguirem estarão livres. Os que não pensarem em respostas aceitáveis tentarão comprar sua liberdade através de números e desafios humilhantes baseados em nossas próprias relações humanas.

Com a urgência de dialogar sobre temas já considerados “clichês”, mas de uma forma inovadora, “Ninguém Merece Viver” foi idealizado por Rafael Hercowitz e tem estreia prevista para Outubro de 2017. Uma peça que usa o meio LGBT+ para dialogar sobre todos.

 

De 7 à 22 de outubro, às 16h

Duração: 1h20

Classificação: 12 anos

Ingressos: R$ 40,00 (inteira)

 

Deixe um comentario